02 junho, 2010

Declarações

É assim que te quero, amor, assim, amor, é que eu gosto de ti, tal como te vestes e como arranjas
os cabelos e como a tua boca sorri, ágil como a água da fonte sobre as pedras puras, é assim que te quero, amado.
Ao pão não peço que me ensine, mas antes que não me falte em cada dia que passa. Da luz nada sei, nem donde vem nem para onde vai, apenas quero que a luz alumie, e também não peço à noite explicações,
espero-a e envolve-me, e assim teu pão e luz e sombra és.

Chegastes à minha vida com o que trazias, feita de luz e pão e sombra, eu te esperava, e é assim que preciso de ti, assim que te amo, e os que amanhã quiserem ouvir o que não lhes direi, que o leiam aqui e retrocedam hoje porque é cedo para tais argumentos.
Amanhã dar-lhes-emos apenas uma folha da árvore do nosso amor, uma folha que há-de cair sobre a terra
como se a tivessem produzido os nosso lábios, como um beijo caído das nossas alturas invencíveis para mostrar o fogo e a ternura de um amor verdadeiro.( Pablo Neruda)

11 comentários:

  1. Clarinha,
    Lindissimo este texto!
    "Chegastes a minha vida com o que trazias"... E assim que almas se encontram... com a historia que os trouxe ate aquele momento...
    Tenha um otimo finds!
    Bjim
    Marcia

    ResponderExcluir
  2. Clarinha,

    Declarar o amor é tão libertador. Esse sentimento nobre faz maravilhas dentro de nós.

    Beijo imenso, menina linda.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  3. Pois é, Clarinha, nunca dei importância pra seguidores, mas agora vejo o quanto é importante.

    Ei, menina linda, adoro você!

    Beijo bem grandão.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  4. Oi, saudades demais daqui.

    Vou te contar um segredo, sinto saudade de me declarar, assim sabe cara a cara? rsrsr
    Sempre me declaro, mas na maioria das vezes ele nem sonha!

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Clarinha,

    Sabe o que é gostoso nessa blogosfera? É sentir que podemos chegar num blog e saber que a acolhida é certeira.

    Adoro você, menina linda.

    Beijo imenso.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  6. Já mandei esse mesmo texto pro emu amrido Clarinha, esse mesmo texto que te lê deve ler tb muitos casais...muitas que precisam do outro pra se sentir inteira. O Neruda disse tudo.

    Meus beijo com recheio de saudades

    Erikah

    ResponderExcluir
  7. Muito lindo esse texto Clara!
    Da vontade de copiar =D
    Amar eh sempre maravilhoso! dar amor, receber amor, amar ;D

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Todo domingo mando algo que acho interessante para os amigos e hoje não poderia ser diferente. Encontrei por uma menina que brinca com o designer fazendo pontilhado em almofadas. Muito legal, até porque quando os pontos são ligados é uma posição do kama sutra que aparece. Leve e original, amei! Espero que goste, porque Milene Rebuzzi se garante:

    http://www.coroflot.com/public/individual_set.asp?individual_id=275238&set_id=419719&

    Beijo imenso, menina linda.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  9. Clarinha,

    Ô coisa boa receber o carinho da minha conterrânea. Adoro você e esse seu jeito todo meigo, menina linda.

    Você mora no meu coração.

    Beijo bem grandão.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  10. Eu gosto muito das palavras do Neruda, ele tem uns textos e poemas sobre amor lindos demais!
    Beijos

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita e fique a vontade!!